Os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental II receberam seis jovens atendidos pela ONG Paciência Viva para compartilhar com eles o que estão aprendendo no projeto Química Empresarial. No primeiro encontro, realizado na semana passada, eles bateram um papo sobre empreendedorismo.
As duas empresas do 9º ano, Aloha (9º Si) e Kosmos (9º Se), prepararam uma apresentação mostrando o passo a passo para criar um negócio de sucesso. Os alunos usaram como exemplos seus próprios empreendimentos e outras companhias já conhecidas. Na Aloha e na Kosmos, os três principais departamentos são Orçamento e compras, Marketing e Contabilidade. Para ocupar os cargos disponíveis em cada setor, os alunos se dividiram por afinidade.
Na apresentação, também foram abordados conceitos como lucro, responsabilidade social, a importância de ter uma boa equipe de trabalho e realizar pesquisas de mercado para o bom desenvolvimento da empresa. Atentos na plateia, os jovens da Paciência Viva anotaram os principais pontos da aula. E a expectativa para a próxima atividade é grande. “Eles gostaram muito de ver como é difícil construir uma empresa. Mas, na verdade, o que eles mais querem é ver o passo a passo de como fazer os produtos”, disse Roberto Rosa, vice-presidente e instrutor da ONG, que acompanhou os meninos ao colégio.
A espera já está acabando! O próximo encontro com o grupo vai ser nesta quinta-feira, 24. Os jovens da Paciência Viva virão ao laboratório de Ciências aprender com os nossos alunos as técnicas de produção de sabonetes, perfumes e outros cosméticos.
Conheça o projeto – Coordenado pela professora de Ciências, Carol Freitas, e pelo professor de Matemática, Wellington Marinho, o projeto Química Empresarial transforma os estudantes em jovens empresários do mercado de cosméticos. Ao longo de todo o ano letivo, os alunos do 9º EF II vivem uma experiência de empreendedorismo, com todos os desafios e responsabilidades de montar o próprio negócio. Ao final, a produção será comercializada numa feira realizada no colégio.
Conheça a Paciência Viva – Atuando há 17 anos, a ONG Paciência Viva atende jovens em situação de risco no bairro do Rio Vermelho. Os atendidos pela instituição participam de atividades que abordam a preocupação social e ambiental. Eles também têm aulas de futebol de areia e rugby no contraturno do colégio. Para saber mais sobre a Paciência Viva e conferir como colaborar com o projeto, entre em contato com Roberto (71 9 8713-9405) ou com o presidente da Paciência Viva, Cláudio Deiró (71 9 8834-9114).
Anúncios