Tudo sobre os Projetos Sociais desenvolvidos pelo Colégio Anglo-Brasileiro

Monthly Archives: Novembro 2015

Cinquenta anos de história, mais de 4 mil crianças e adolescentes atendidos gratuitamente todos os meses, 220 leitos, mais de 20 especialidades médicas e cerca de 700 cirurgias realizadas mensalmente através do Sistema Único de Saúde (SUS). São apenas alguns números do Martagão Gesteira, primeiro hospital pediátrico do Norte-Nordeste. Mas, esses algarismos são insuficientes para mostrar o que o Martagão representa para os milhares de cidadãos beneficiados por seus serviços. Através do Projeto Social do Anglo, coordenado pela professora Cristina Abrunhosa, os alunos do 8º ano J do Ensino Fundamental II foram conhecer de perto esse gigante e a emoção bateu forte.
Acompanhados pelos professores de Francês Lara Portela e Juan Barahona, que também é tutor da turma, os alunos passaram uma manhã no Martagão. Eles entregaram alimentos, fraldas e brinquedos arrecadados. Fantasiada, a turma levou cadernos para pintar e lápis de cor para se divertir com as crianças que aguardavam atendimento e com as que estavam hospitalizadas. Elas também visitaram a brinquedoteca do hospital.
“Todos nós adoramos o passeio. Foi algo realmente tocante. Ficamos emocionados com as crianças de lá, todas sorrindo e felizes! Foi ótimo vê-las assim!”, contou a aluna Lara Valle. Ela também destacou que outro grande ponto da visita foi perceber que até mesmo os meninos da turma, mais durões, se emocionaram, ainda mais quando viram pacientes com a mesma idade que eles. “Ver os meninos daquele jeito foi algo muito bonito. Eles realmente se interessaram e participaram”, pontuou Lara.
“Foi muito interessante ver como cada aluno do 8º J reagiu e interagiu com as crianças”, comentou o professor Juan. “Alguns foram espontaneamente ao encontro das crianças, outros precisaram de um pouco mais de tempo para se soltar”, complementou.
Ana Beatriz confessou que estava nervosa porque não sabia o que esperar do encontro com as crianças, muitas debilitadas pelos problemas de saúde. “Vimos crianças abatidas e outras mais saudáveis, e eu me emocionei brincando com elas, por se divertirem tanto com a gente”, disse. Ela contou que, junto com seus colegas, também conversou com alguns pais e pôde perceber uma realidade bem diferente da sua. “Eu percebi que nem todos podem viver numa zona de conforto como a que eu tenho a chance de viver. As dificuldades não impediram aqueles pais de cuidarem de seus filhos. Muitos até saíram de sua cidade para conseguir atendimento”, diz. Para ela, o principal aprendizado foi notar a felicidade na maioria das crianças, mesmo com todos os obstáculos.
E, no quesito emoção, os professores não ficaram atrás. “Antes de chegar ao hospital, fiquei imaginando o quanto podíamos ajudar aquelas crianças. Achei que pudéssemos levar algo para elas… Ao chegar lá, tomei um banho de água fria porque eram elas que tinham muito a nos dar e nos ensinar”, contou a professora Lara. Ela viu mães guerreiras, cuidando com todo amor e paciência dos seus filhos, e muitas estavam contentes, provando que a alegria é um estado de espírito e não depende de condições externas. “Essa foi a mensagem que ficou para mim: ‘Veja como podemos ser felizes mesmo em momentos de tanta dificuldade’”, disse Lara.
A percepção de Juan foi bem parecida. Para ele, as crianças e os pais deram uma lição de vida, feita de coragem e vontade. Eles não pouparam sorrisos e bom humor, apesar do contexto. “Cheguei com cadernos e lápis, voltei com humildade e admiração”, concluiu.
Como ajudar
Também conhecido como Hospital da Criança, por ser referência em pediatria, o Martagão foi fundado em 1965 e, de lá para cá, firmou-se como um dos grandes defensores da vida das crianças carentes, reduzindo os índices de mortalidade infantil. No entanto, a continuidade de seu importante trabalho depende da solidariedade.
Alguns eventos acontecem ainda este ano com o objetivo de angariar fundos. No próximo dia 22, será realizada a Colorrida, uma corrida colorida em prol dos serviços de oncologia do hospital. Já no dia 18 de dezembro, Ivete Sangalo fará um show com o objetivo de conseguir recursos para a reforma do Martagão. Para participar desses eventos e conferir outras formas de colaborar com esse trabalho, clique aqui e visite o site do Martagão Gesteira.
Parabéns a todos. Nós também estamos emocionados e muito orgulhosos por vocês terem tirado lições tão valiosas.
Fotos: Comunicação Martagão Gesteira
Anúncios